Lições de projetos de software para aprender com a Iridium

Você conhece a Iridium? Foi a empresa que promoveu a comunicação via satélite. E por que vamos falar sobre isso? Porque, apesar de ter sido essencial na história, há muitas lições para aprender quando falamos de investimento em projetos de software. 

Você com certeza deve estar se perguntando o que uma coisa tem a ver com a outra, né? Veja como a história dessa empresa pode ensinar coisas valiosas para seu negócio! Continue lendo e confira.

A história 

Iridium foi uma empresa criada na década de 90 pela Motorola, com o objetivo de criar uma rede global de telefonia via satélite.

São cerca de 66 satélites que orbitam a terra em altitudes baixas. 

A ideia surgiu quando a esposa de um executivo da Motorola viajou para os EUA, porém seu marido não pôde ir junto. 

Na época era usado o celular analógico. Ela tentou ligar para o marido utilizando o serviço de roaming, mas não conseguiu fazer a ligação.

Quando voltou dos EUA, ela sugeriu ao marido o desenvolvimento de um telefone compacto e leve, no qual as pessoas conseguissem fazer e receber ligações em qualquer lugar do mundo, de um jeito rápido, fácil e seguro.

E assim o projeto foi lançado.

A Iridium enfrentou uma série de problemas financeiros e desafios de concorrência com as tecnologias de celular GSM e TDMA/CDMA, que haviam tido um rápido desenvolvimento no mercado.

Mas, quando o Iridium foi lançado, já era possível fazer e receber ligações nas grandes cidades do mundo sem grandes dificuldades e com sistema digital já sendo utilizado.

Todo esse sistema de telefonia por satélite levou mais de dez anos para ser implementado e estima-se que foram gastos mais de US$ 1 bilhão de dólares.

A questão é, sem toda a rede no ar, nada funcionava.

Ou seja, todo este custo que houve para dar certo era grande demais, pois custava US$ 1 bilhão para entregar o serviço para 1 milhão de pessoas, mas custava a mesma coisa para entregar para 1 pessoa.

O que aprender com a Iridium para projetos de software?

Em se tratando de software, evite situações Iridium. Isso porque em projetos de software é muito fácil mudar de ideia. 

Muito mais fácil do que, por exemplo, na engenharia ou em mercado de produtos físicos.

Portanto, investir tudo de uma vez só em algo que pode mudar, é um grande risco.

Se planeje! Ao contratar um projeto de software se dê a liberdade de mudar de ideia. 

Quebrar o projeto em projetos menores, comece pelo essencial. Tenha uma verba disponível para imprevistos e as chances de tudo dar errado e o investimento ir por água abaixo serão mínimas.

Porque assim, se parte do investimento for prejudicado, ainda vai haver uma reserva.

Um pouco de investimento, pensado de forma inteligente, por trazer um grande valor. 

Invista com inteligência em um projeto de software!

Veja o vídeo em que o Elcio fala sobre a Iridium! 

Por Beatriz Paradela


Deixe uma resposta

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *