Precificação em Projetos Web

Precificação em Projetos Web

Muitas pessoas me perguntam como se faz precificação em projetos web. Essa não é, exatamente, uma tarefa simples e, na verdade, não existe um jeito certo de fazer, pois depende muito das variáveis de cada negócio. Mas tem algumas coisas que, independentemente do caso, você não deve fazer e que, por “eliminação de erros” podem ajudá-lo a definir preço para o seu serviço. Veja quais são esses erros no vídeo abaixo:

Para ter mais segurança na hora de fazer a precificação em projetos web e evitar os erros comuns mencionados nesse vídeo, é importante que você defina seu preço a partir de 3 coisas:

1. Conheça os Números do seu Próprio Negócio

Eu vejo muito empreendedor que não sabe quais são os seus custos e, por isso, baseia seus preços apenas em palpite, correndo o grande risco, por exemplo, de cobrar menos do que deveria e tomar prejuízo. Por essas e por outras, todo empreendedor precisa conhecer seu ponto de equilíbrio, suas despesas fixas, saber calcular sua despesa variável, caso contrário, não conseguirá estabelecer um preço coerente com a realidade do seu negócio.

2. Conheça o Negócio do seu Cliente

Quando você tomar conhecimento dos números do seu negócio e determinar o preço aproximado que deve cobrar por seus serviços, perceberá que não é qualquer cliente que dá para atender. Se o seu preço for alto, por exemplo, só vai conseguir atender empresas que têm mais recursos para tal investimento. Consequentemente não vai dar certo se você tentar vender para empresas pequenas, ainda que reconheçam o valor do seu serviço. Da mesma forma, se o preço for baixo, provavelmente você terá mais sucesso com as empresas menores.

3. Conheça a Concorrência

Não basta saber os números do seu negócio e conhecer o seu público e suas necessidades para definir preços coerentes. É preciso saber qual é a média do mercado, quanto cobram os seus concorrentes, desde o menor até o maior. Naturalmente você encontrará variações nos valores, mas é importante que você não esteja nem muito acima, nem muito abaixo, considerando aqueles que cobram mais caro e os que cobram mais barato. Se o seu preço estiver muito fora do que o mercado tem cobrado e isso não fizer parte de uma estratégia muito bem pensada, você poderá ter problemas em suas negociações e perder clientes.

Conhecer seus Números Faz Toda a Diferença

Basear seu preço a partir dos números do seu negócio, do cliente e do mercado ajudará você a ter uma noção se o preço que você está cobrando é alto ou baixo e a estabelecer limites tanto para mais quanto para menos, conforme a sua estratégia do momento. Portanto, estude esses números, pesquise, saiba onde você está pisando e cobre por seus projetos web com segurança, aumentando suas oportunidades de venda.

DICAS SOBRE PRECIFICAÇÃO EM PROJETOS WEB

Deixe uma resposta

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *